skolors-1024x574

Um dos projetos mais bonitos que eu vi nos √ļltimos tempos na publicidade brasileira, √© o fruto da parceria da Skol e da F/Nazca com o coletivo MOOC¬†que co-criou, co-dirigiu e produziu o filme Skolors que voc√™s conferem logo mais abaixo.

skolors1

O MOOC √© um coletivo transversal que navega pela arte, m√ļsica, audiovisual e moda. √Č ¬†um movimento que pretende influenciar as pessoas a novos olhares e diferentes pontos de vista e, sem aceitar estere√≥tipos, utilizar de meios criativos para expressar o estilo de vida dos negros no Brasil.

A campanha, além do filme, conta com um kit  de cinco latas em edição limitada mais uma de SKOL original que está à venda no site www.skol.com.br/loja enquanto houver estoque.

skolors-lata

Sobe o som e aperta o play.

bruno

 

O projeto Piquenique surgiu em Aracaju (SE) com o objetivo de conectar jovens publicit√°rios da Universidade Federal de Sergipe com ativistas trans para que eles pudessem agir juntos e criar projetos independentes. Tudo isso atrav√©s de sess√Ķes de piquenique em um jardim.

 

bruno1

 

Um dos resultados dessa iniciativa √© o e-book ‘Meu nome √© Bruno’. Criado pelo Michel Corn√©lio com a ajuda de alguns amigos, o livro conta as aventuras de um garoto negro que n√£o se enxerga como Bruna, mas sim como Bruno. A hist√≥ria, apesar de ser infantil, tamb√©m explora a rela√ß√£o dele com os pais e amigos de col√©gio. De como o apoio dos pais √© fundamental. E de como √© importante os amigos entenderem e respeitarem.

 

Por enquanto o livro está apenas disponível online na plataforma ReadyMag. Fica a torcida para que uma editora possa investir e levar a ideia para as livrarias. O livro é lindo.

 

 

screen-shot-2017-03-27-at-06-26-01

Eu tenho plena convic√ß√£o do poder transformador do design e me arrepio de ver solu√ß√Ķes como esta sendo criadas no Brasil e conquistando o mundo. O Lauro Cuevas √© um qu√≠mico brasileiro que j√° tinha 10 anos de pesquisa na separa√ß√£o do √≥leo e que colaborou nos √ļltimos dois anos com a Olivia Yassudo Faria e seu Coletivo Amor de Madre para ajustar e melhorar o produto bem como para pensar em como levar para o mercado.

Assim nasceu o projeto Fohm.Life que √© uma solu√ß√£o simples, de baixo custo e que despolui a √°gua. De forma mais objetiva, √© uma espuma capaz de absorver √≥leos vegetais ou minerais e, consequentemente, facilitar, a separa√ß√£o dos dois elementos. Ele resolve todos os n√≠veis de polui√ß√£o de hidrocarbonetos com lixo org√Ęnico. Ou seja, tem potencial para ajudar a limpar rios e mares contaminados.

img_3345_cortada

A convite do Coletivo Amor de Madre, o Atelier Marko Brajovic criou instala√ß√£o que lan√ßa a inven√ß√£o na Design Days Dubai. Naturalmente o projeto chamou a aten√ß√£o das empresas de petr√≥leo, que se interessaram e j√° abriram negocia√ß√Ķes para incorporar a solu√ß√£o.

Agora o Coletivo vem focando em desenvolver uma solução doméstica que consiste em um filtro para o ralo da cozinha. Assim qualquer um pode lavar sua panela que sempre tem óleo sem culpa e sem poluir o sistema de água.

A Fohm.Life vir√° para o Brasil onde poder√° ser testada em exposi√ß√Ķes e universidades antes de efetivamente ser comercializada. Vale a pena conhecer mais a fundo o projeto aqui.

Fohm.Life from coletivoamordemadre on Vimeo.

fgirl7

Esta semana o Charging Bull, a estátua de touro de Wall Street que representa a agressividade do mercado financeiro e a força do capitalismo representado pela Bolsa de Valores de Nova York, ganhou companhia: uma nova estátua de bronze, batizada de Fearless Girl, foi colocada defronte do touro, o desafiando.

fgirl6

A a√ß√£o, criada pela McCann New York para o Dia Internacional da Mulher foi comissionada pela State Street Global Advisors,¬†gestora de fundos de investimento que administra US$ 2,5 trilh√Ķes de dinheiro de investidores.¬†A ideia foi n√£o apenas lembrar que empresas sob lideran√ßa feminina costumam ter desempenhos melhores que empresas sem mulheres em sua dire√ß√£o (veja aqui o estudo) como representar a luta feminina pela igualdade e por maior representatividade e equidade salarial.

A estátua fica por um mês. Foi feita por Kristen Visbal e fotografada por Federica Valabrega.

meu-amigo-refugiado

Este projeto, ancorado em um site, prop√Ķe que¬†um refugiado que vive no Brasil seja convidado e possa levar a fam√≠lia dele para passar a ceia do dia 24 ou o almo√ßo do dia 25 com uma fam√≠lia brasileira. O refugiado convidado dever√° levar para a fam√≠lia um prato para a ceia, t√≠pico do seu pa√≠s.

O projeto nasce do insight de que √© dif√≠cil, para algu√©m que busca ref√ļgio e busca reconstruir a vida num novo pa√≠s, criar novos la√ßos. A ideia √© aproximar os brasileiros dos quase refugiados. Trata-se de uma iniciativa da Migraflix,¬†a√ß√£o social que promove a integra√ß√£o de refugiados e imigrantes, baseada em workshops culturais e atividades ministradas por eles para brasileiros. A cria√ß√£o √© da NBS com¬†apoio de m√≠dia da Posterscope.

nome-mazen

 Já estão cadastrados na plataforma 13 refugiados em São Paulo e dois no Rio. Entre eles, uma síria, um cubano, um palestino e dois da América do Sul, um colombiano e um venezuelano.

O vídeo apresenta um pouco mais da proposta, que pode ser acompanhada em mais detalhes no site.

coca-cola-christmas-ribbon-bottle

Ideia simples e genial essa da Coca-Cola do Jap√£o em tornar o r√≥tulo das suas garrafas um la√ßo natalino. O projeto foi inicialmente desenvolvido pela Coca-Cola da Col√īmbia em 2013 como parte de uma edi√ß√£o limitada de apenas mil unidades. Mas agora est√° em todas as garrafas de 500 ml de Coca e Coca Zero no Jap√£o. Vale conferir o v√≠deo:

large_parley-for-the-oceans-adidas-shirts

A Adidas lan√ßou uniformes de futebol ecol√≥gicos para duas de suas maiores equipes de futebol, Bayern de Munique e Real Madrid, como parte de sua parceria com o grupo de conserva√ß√£o oce√Ęnica Parley. As novas camisas foram feitas de detritos de pl√°stico marinho que passou por um processo de upcycling. Perto da gola as novas camisas levam na parte de dentro a inscri√ß√£o ‘para os oceanos’.

A marca tem outros produtos, como tênis, feitos desta parceria e conta um pouco do processo no vídeo abaixo:

dixie-deadzone-hed-2016

As pessoas não desligam os celulares na mesa nem na hora de comer. Com isso fica difícil de desfrutar um tempo de qualidade na mesa de jantar. Pensando nisso a Dixie, marca de pratos e copos de papel, que vem abraçando esta ideia de se fazer presente e ter bons momentos, pediu à Droga5 que desenvolvesse um projeto que a ajudasse nesta missão.

A agência mapeou em Los Angeles três pontos onde o sinal era realmente péssimo e criou restaurantes pop-up batizados de Dixie Deadzone Diners nestes lugares, um tanto pitorescos como cavernas e cofres. O projeto atendeu cerca de mil pessoas em três dias e gerou a reflexão em muitas famílias.

Como parte da campanha a Dixie tamb√©m fez uma parceria com a chef e personalidade da TV Carla Hall para preparar algumas receitas para as diferentes localiza√ß√Ķes. Suas receitas tamb√©m ser√£o apresentados em um site para que as pessoas possam preparar nas suas pr√≥prias casas e recriar estes rituais de desconex√£o. Confiram abaixo o videocase:

volksparking-2

Este projeto criado pela VW na Bélgica visa transformar espaços ociosos em estacionamento em mini quadras de basquete. Em parceria com o MIT criou tabelas que com um sistema de sensores que as desloca junto com as redes de proteção para as vagas não ocupadas no momento. Vale a pena ver o vídeo e conferir o site.

Screen Shot 2016-06-22 at 1.39.28 PM

Quando se ganha um leão em Cannes em geral se faz cópias deles para quem participou e o preço de cada leão de ouro adicional gira em torno de US$ 1500. A proposta da Liz Loudy e a Casey Schweikert da BBH New York foi que, ao invés de inflar o ego com mais um leão, as pessoas pudessem transformar este ato numa ação bacana em apoio à vida.

A proposta √© que os vencedores dos le√Ķes de ouro comprem uma¬†Can Gold, uma lata que representa alimentos para 33 crian√ßas, com toda a operacionaliza√ß√£o feita pela¬†Action Against Hunger. A lata com o nome gravado funcionaria em substitui√ß√£o ao le√£o de ouro. Funciona tamb√©m para quem n√£o ganhou mas deseja apoiar.

A ideia é ótima. Acho sensacional ver gente em Cannes realmente preocupada com algo para além de holofotes e borbulhas. Enchendo auditórios para ouvir boas palestras. Sintonizados com a ideia de encarar a comunicação como uma plataforma de transformação.

Penso que seria excelente ver profissionais e agências do nosso mercado apoiando esta iniciativa e pensando em projetos assim.

 

 

Lind√£o este projeto de brand utility da Dentsu do Jap√£o para a Panasonic. Refor√ßando o conceito ‘Life is Electric’, a marca criou v√°rios sets de bateria recarreg√°veis que podiam ser recarregados atrav√©s de atividades do cotidiano. Um total de 21 pilhas foram recarregadas de modos totalmente n√£o convencionais. As pilhas foram vendidas online e as […]

Robin des Bois √© um restaurante sem fins lucrativos em Montreal, no Canad√°. Tudo o que arrecada √© direcionado a instritui√ß√Ķes do terceiro setor (vale a pena conhecer mais aqui). Para promover seu novo servi√ßo de ‘bite size catering’ para eventos criou uma s√©rie de mini talheres que foi dsitribu√≠da para influenciadores e p√īsteres divertidos. […]

E se uma equipe de l√≠deres globais, fabricantes, e ativistas pudessem trabalhar em uma miss√£o para apoiar uma causa que meios de comunica√ß√£o, bem como ag√™ncias de publicidade, ainda ignoram? Esta foi a motiva√ß√£o do primeiro projeto global do Papel & Caneta que reuniu em Nova York de 11 a 16 de maio um¬† grupo […]

A TBWA San Juan de Porto Rico criou uma a√ß√£o muito interessante para conscientizar sobre a import√Ęncia do auto-exame para a preven√ß√£o do c√Ęncer de mama e de test√≠culo. Criou um sabonete que continha em sua embalagem instru√ß√Ķes de como os homens e mulheres podem fazer o auto-exame. O sabonete foi enviado para os clientes […]