Já em curso em muitos países e não muito longe de se tornar realidade por aqui.
Conheçam LongTail, the movie. Um vídeo que faz referência ao livro The Long Tail, de Chris Anderson e que foi apresentado na EG 2006.

Quem gostou do assunto pode se aprofundar também no blog do autor.

Atividade de comunicação mais recente da American Express em que o tenista norte-americano Andy Roddick disputa uma partida com o Pong. Isso mesmo que você está pensando. Os Atari Days estão de volta. Confira abaixo o filme e entre no site para participar do jogo online…

A Verizon está lançando em setembro 13 episódios mobile (“Lost Diaries”), relacionados com a série de TV Lost.
Os episódios terão de 2 a 3 minutos. Durante uma semana as pessoas só poderão ver através do celular. Depois deste período, os episódios estarão disponíveis na web, no site de Lost. Leia mais.

Ação viral assinada pelo Greenpeace lançada na semana em que começa o Salão do Automóvel inglês:


Para mostrar o poder da banda larga e as possibilidades que ela oferece em termos de entretenimento, a Verizon lançou o site Beat Box Mixer, em que você pode criar mixagens diferentes em uma interface bastante lúdica. Esta atividade é parte da campanha “Richer, Deeper, Broader” iniciada no ano passado.

Categorias: Música, Sites, UpdateorDie

Os planejadores reunidos este ano na maior conferência mundial de planejamento estratégico decidiram compilar seus relatos e impressões em blogs. E não é que tem coisa interessante por lá sobre comunicação. O tema da conferência deste ano é SPARK ! – e fala fundamentalmente do papel dos planners de inspirar criativos e todo o processo. Confiram o blog do grupo de planejamento e o blog do planner.

Tá rolando também o webcast de algumas conferências (uhhuuu, vc pode ver na íntegra):
Richard Tait
Chuck Porter

A Honda do Japão colocou no ar um projeto (muito semelhante ao Adidas Adicolor) no qual curta-metragens dirigidos por diferentes artistas são lançados na rede.

O projeto, batizado de No Same Way, já conta com 4 filmes, cada um protagonizado por um modelo de moto da marca. Confiram. É muito bom.

O Yahoo! Music e a gravadora Epic lançaram um projeto inovador de personalização de músicas, o “Get Your name in the song“.

Nele você pode comprar o novo single da Jessica Simpson, escolhendo o nome que ela cantará na música. Ou seja, pode colocar o seu nome ou o de alguém que você quer na letra. E o melhor: custa só US$ 1,99.

Para isto seu nome deve ser um dos muitos listados. Foi feita uma seleção de nomes (cantados pela cantora) e um trabalho ferrado de edição. Vale conferir.

Você está andando na rua e, ao passar sobre as grelhas do metrÔ, ouve gritos e gemidos de pessoas sendo torturadas.

Olha para baixo e lê “Hoje 133 jornalistas estão presos e serão torturados em todo o mundo.” Trata-se de uma mídia de protesto que usa caixas de som ocultas. Inteligente.

Existe um limite de bom senso em explorar todo e qualquer novo meio. Li sobre publicidade em sacos de enjÔo de aeronaves e fui explorar mais. Acabei encontrando um site – super curioso – que coleciona estes saquinhos de várias companhias.

Existem companhias que divulgam seus destinos e rotas, outras que promovem filmes.

Dentre todas, a Virgin é quem mais tem coisas bacanas. Faz concursos entre designers para ilustrar suas “coleções”, inclusive. O mais bizarro e bem humorado é este aqui ao lado…

Categorias: New Media, UpdateorDie

Atualizar o discurso para ganhar relevância entre os mais jovens têm sido uma prática bem usada pela “indústria da fé” para ampliar sua base de fiéis. Olha que genial esta fotonovela da Bíblia encenada por bonecos de Lego: “The Brick Testament”. O seu criador passou 4 anos encenando e fotografando as cenas bíblicas. Como “produtos” […]

Um criativo chamado Guillaume Reymond, sócio da agência de design suíça NOTsoNOISY criou uma série de vídeos (GameOver) nos quais as pessoas reproduzem cenas clássicas de videogames como Pong e Space Invaders. Achei curioso. Quem sabe possa inspirar ações bacanas por aí…

Em Lima, no Peru, foi desenvolvido um outro tipo de ação de guerrilha para conscientizar as pessoas da importância de fazer o teste do HIV. Pessoas espalhadas na rua colavam adesivos nas costas dos pedestres que passavam sem que estes percebessem. No adesivo estava escrito: “Você pode ser portador do vírus HIV e não saber. […]

Na Índia foram espalhadas réplicas de notas de 20 rúpias em diversos lugares. Ao pegar as notas as pessoas abriam e liam a mensagem: “Pegar AIDS pode ser tão fácil quanto isso. Vá até uma farmácia e troque esta nota por uma camisinha”.